ABBEY (CERVEJA DE ABADIA)

Também não são consideradas um estilo propriamente dito, mas diferem das cervejas trapistas por não possuírem origem controlada. Podem ser produzidas em grandes fábricas e comercializadas normalmente, desde que a sua receita original tenha sido originária de uma abadia, a qual pode ou não ser da ordem trapista.

LEFFE BLONDE (6,6% ABV)

Produzida desde o século XIII pelos monges da antiga abadia belga de Leffe, é a cerveja deste tipo mais consumida no mundo e tem a mesma receita desde 1240. É uma cerveja de alta fermentação, frutada e levemente condimentada. Os apreciadores dizem que o seu leve aroma a malte e o seu sabor doce, fazem dela uma ótima companhia para refeições leves.

LEFFE BRUNE (6,5% ABV)

Destinada a apreciadores de cervejas especiais, deve ser saboreada lentamente para se ter a verdadeira perceção de um sabor complexo e sofisticado, deste líquido com séculos de tradição. Esta Leffe Brune é substancialmente robusta, apresentando uma excelente combinação entre o pronunciado aroma a caramelo torrado e um toque levemente adocicado no final.

 

GRIMBERGEN DUBBEL (6,5% ABV)

O nome destas cervejas deve-se à Abadia de Saint Norbert of Xanten, construída em Grimbergen em 1128, onde foi originalmente produzida. As matérias-primas de excelência fazem desta cerveja de abadia um produto muito rico. Sabor frutado leve, bom equilíbrio entre o doce e o amargo, produz uma sensação de “boca cheia” e arredondado.

GRIMBERGEN TRIPEL (9% ABV)

Os maltes claros dão a esta cerveja a sua coloração bege profunda. Com um certo picante, sabor doce e amargo e um gosto na boca duradouro. O típico picante desta tripel é-lhe dado quer pelo açúcar quer pela mistura de lúpulos moderados e amargos. Estes aromas ricos alcançam uma perfeita harmonia devido à contínua fermentação após o engarrafamento.

GRIMBERGEN OPTIMO BRUNO (10% ABV)

De cor bege escura, esta cerveja, originalmente produzida na Páscoa, está agora disponível todo o ano. O seu sabor é um conjunto de amargo e doce. Densa e encorpada, doce e de elevado teor alcoólico. A dupla fermentação cria um perfeito equilíbrio entre o lúpulo e o malte.

Affligem (6,8% Abv)

Criada em 1074, a Cerveja belga Affligem é uma cerveja de abadia, que apesar da sua tradição, não deixa de ser relevante para os gostos e estilos de vida atuais.   Fiel às suas raízes Beneditinas e passada de geração em geração, a receita original de nome “Formula Antiqua Renovata” manteve-se intocável até aos dias de hoje. A dedicação dos monges na busca pelo sabor mais puro deu origem a um processo de produção extraordinário através de dupla fermentação.   Este processo único consiste em adicionar à cerveja já engarrafada uma levedura especial que, ao longo de duas semanas lhe dá mais vida, maturidade, complexidade e efervescência. Os aromas e paladares tornam-se assim mais refinados transformando a Affligem num líquido distinto e enriquecido de sabores.   Affligem Blonde é uma cerveja suave onde se destaca o malte e a leveza das nozes, com um final seco e ligeiramente amargo.